Ultimas noticias

6/recent/ticker-posts

banner no cabeçalho.

--ASSESSORIA E SUPORTE PUBLICITÁRIO PARA SUA EMPRESA E COMÉRCIO--


AKIAGORA

Clique na imagem e contate-nos


AKIAGORA

CASA DO AGRICULTOR

BENEFÍCIO SOCIAL Sudeste e Nordeste serão o foco de distribuição do Auxílio Brasil




Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

A distribuição do Auxílio Brasil, que aumentou de R$ 400 para R$ 600, a partir de agosto, começará em alta no Rio de Janeiro e em São Paulo, estados onde o presidente Jair Bolsonaro (PL) tem que melhorar o desempenho nas pesquisas eleitorais. As informações são de um mapeamento do Ministério da Cidadania, divulgado pelo Poder 360.


No Nordeste, 1,9 milhão de pessoas estão aptas a receber o benefício; e, no Sudeste, são 1,7 milhão de cidadãos. As duas regiões estão no topo da lista da fila para receber o benefício, que tem R$ 26 bilhões para distribuir - o valor é considerado, pelo governo, o suficiente para zerar a entrega às pessoas em vulnerabilidade.


O levantamento considerou o número de inscrições no programa até a 3ª semana de julho, mas as pessoas ainda podem se cadastrar. Até o momento, no Rio de Janeiro, 251 mil famílias estão aguardando e, em São Paulo, são 201 mil famílias.


A fila segue com a Bahia, que tem 520 mil pessoas à espera, e Pernambuco, com 412 mil pessoas. Na conta, é considerado que cada família tem três integrantes.


Na última pesquisa da Quaest/Genial, Lula tem maior vantagem sobre Bolsonaro no Nordeste, com 37 pontos - 59% das intenções de votos estão com o petista. No Sudeste, o ex-presidente continua na frente, mas a distância entre um e outro cai para cinco pontos - Bolsonaro tem 33% dos votos.
Por: Correio Braziliense

Por: Tainá Andrade - Correio Braziliense

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários