Ultimas noticias

6/recent/ticker-posts

banner no cabeçalho.

---------------------------------CLIQUE NO BANNER E FALE CONOSCO EM NOSSO WHATSAPP--------------------------------------


AKIAGORA

Clique na imagem e contate-nos


AKIAGORA

CASA DO AGRICULTOR

Flordelis irá enfrentar júri popular por determinação da Justiça.

 

A assessoria do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) divulgou, na noite desta terça-feira (4), que a deputada federal e cantora gospel Flordelis enfrentará júri popular.

Além da parlamentar, mais nove pessoas enfrentarão o júri pela acusação de assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido de Flordelis, assassinado em junho de 2019. A decisão foi da juíza Nearis dos Santos Carvalho Arce, do 3º Tribunal do Júri de Niterói.

De acordo com as informações da Agência Brasil, Flordelis responde por “homicídio triplamente qualificado (por emprego de meio cruel, motivo torpe e usar recursos que impediram a defesa da vítima), tentativa de homicídio, associação criminosa e uso de documento falso”.

Os outros envolvidos que irão a júri popular são: Marzy Teixeira da Silva, Simone dos Santos Rodrigues, André Luiz de Oliveira, Carlos Ubiraci Francisco da Silva e Rayane dos Santos Oliveira – todos por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio e associação criminosa armada.

“O fim da instrução probatória de primeira fase e demais notícias trazidas aos autos no curso daquela evidenciam ainda mais a necessidade de acautelamento dos réus, em prol não somente da ordem pública, mas para garantia da instrução criminal a se renovar em futuro Plenário de Julgamento, e, ainda, em prol da eventual aplicação da lei penal; não se mostrando suficiente a pretendida conversão em prisão domiciliar, ou mesmo a transferência para presídio diverso”, escreveu Nearis dos Santos.

O advogado Anderson Rollemberg, defensor da deputada Flordelis, disse que recorrerá da decisão.

A juíza Nearis dos Santos Carvalho Arce também decidiu manter a prisão de todos os acusados, exceto Flordelis que tem imunidade parlamentar.







Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários