Ultimas noticias

6/recent/ticker-posts

banner no cabeçalho.

---------------------------------CLIQUE NO BANNER E FALE CONOSCO EM NOSSO WHATSAPP--------------------------------------


AKIAGORA

Clique na imagem e contate-nos


AKIAGORA

CASA DO AGRICULTOR

184 cidades de 16 estados e 10 associações já pediram Coronavac para o Butantan


 


Com a eficácia anunciada em 78% para casos mais leves e 100% para casos graves, a Coronavac, vacina contra a Covid-19 produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, teve a lista de interessados atualizada.

Até agora, 184 municípios já procuraram diretamente a direção do Instituto Butantan para pedir a vacina. São municípios de fora do estado de São Paulo que querem contar com um "plano B", caso o plano de vacinação do Ministério da Saúde não avance.

Nesta quinta-feira (7), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou, no entanto, que a integralidade da produção de imunizantes do Butantan será direcionada ao Plano Nacional de Imunização. 

O levantamento foi feito pela Secretaria de Desenvolvimento Regional do Governo de São Paulo junto ao Butantan. Os dados foram confirmados pelo secretário Marco Vinholi.

A maior cidade da lista é a capital fluminense. O recém-empossado do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), firmou um acordo de cooperação com o órgão ligado ao governo de São Paulo para ter acesso à vacina, mesmo acreditando em um calendário nacional. Seguir a fila do Ministério da Saúde é o plano A de Paes.

Das 184 que entraram em contato com o Butantan, 26 cidades estão no estado do Rio de Janeiro. Mesmo a decisão do Ministério da Saúde de comprar 100 milhões de doses da Coronavac não desincentivou os municípios a buscarem a vacina por conta própria.

A Prefeitura de Maricá, que tem pouco mais de 160 mil habitantes, pediu 440 mil doses ao Butantan e quer manter o acordo, mesmo depois da investida do Ministério sobre a vacina chinesa.

Em nota, a prefeitura diz que “o ritmo da pandemia não segue o compasso das ações federais” e que “espera que a exclusividade não a impeça de cumprir seu compromisso de imunizar, o quanto antes, a população da cidade”.

Outras grandes capitais como Curitiba e Belo Horizonte também pleiteiam o uso da coronavac e assinaram compromisso de compra da vacina.

A diretoria do Butantan recebeu ainda o pedido de 10 associações de municípios de diversos estados. Nas contas do setor técnico do órgão paulista, se somadas todas as cidades que integram esses coletivos, seriam mais de 1.000 municípios de olho na vacina chinesa.



Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários