Ultimas noticias

6/recent/ticker-posts

banner no cabeçalho.

---------------------------------CLIQUE NO BANNER E FALE CONOSCO EM NOSSO WHATSAPP--------------------------------------


AKIAGORA

Clique na imagem e contate-nos


AKIAGORA

CASA DO AGRICULTOR

Presidente do CETRAN-PE realiza vistoria em Gravatá e municipalização do trânsito fica mais perto de acontecer



Nesta quarta-feira (30), os representantes do Conselho Estadual de Trânsito de Pernambuco (CETRAN-PE) vieram a Gravatá para realizar a primeira visita técnica ao Departamento de Trânsito que resultará na aprovação da estrutura da cidade para a realização da municipalização do trânsito da cidade.
A visita técnica contou com a presença do presidente do CETRAN-PE, Walker Barbosa, do coordenador técnico, Marcos Bezerra, e do assessor operacional, Nilson Holanda,  acompanhados pelo prefeito Padre Joselito, o vice-prefeito, Júnior Darita, o diretor de Departamento de Trânsito, Agostinho Santos e equipe, a Guarda Municipal representada pelo comandante André Paiva, o secretário de Segurança e Defesa Civil, Gilmar Oliveira e seu executivo, Irnaldo Pedro, e o vereador Neném de Uruçu.
Ao final desta vistoria será elaborado um relatório e uma emissão de um certificado de conformidade que vai ser remetido ao Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) informando que o município de Gravatá reúne condições de gerir seu próprio trânsito.
A partir disso, o Denatran vai publicar no Diário Oficial a integração do município ao sistema nacional de trânsito. O que significa que o município terá, a partir de então, a responsabilidade por sua organização e controle, o que é uma pauta exigida pela população por mais de uma década. Assim, Gravatá vai oferecer um trânsito mais seguro, adequado e sinalizado à população.
Segundo o presidente do CETRAN-PE, Walker Barbosa, essa visita técnica ocorre após uma série de providências já tomadas pelo município. “Nessa visita técnica que é a fase final é para verificar in loco a estrutura montada, a infraestrutura predial e a logística para atestarmos que efetivamente o município montou um órgão de trânsito, um dispositivo, uma estrutura capaz de gerir seu próprio trânsito”, disse.
O secretário de Segurança e Defesa Civil, Gilmar Oliveira, fala do benefício da municipalização do trânsito. “A municipalização vai dar autonomia no trânsito para que a gente possa trabalhar de forma mais livre e regular, tendo em vista que a cidade não podia ter uma atuação efetiva no trânsito devido a legislação não permitir. Com isso a gente tira Gravatá da ilegalidade para a legalidade de acordo com a legislação pertinente”.
Para o diretor do Departamento de Trânsito, Agostinho Santos, Gravatá vem se arrastando a muito tempo com esse desejo de municipalizar o trânsito. “Nos deram a missão de fazer o trabalho para que isso acontecesse, isso a que me refiro é a municipalização do trânsito. Nós começamos um trabalho e podemos dizer que nos orgulhamos, pois enquanto em outras gestões tentaram, nós em seis meses estamos realizando”, falou.
Júnior Darita, vice-prefeito, fala das parcerias e do objetivo da municipalização: “Nós contamos hoje com a diretoria de Trânsito funcionando, a parceria com o Conselho Estadual de Trânsito e também com a Guarda Municipal que mostrou que estão habilitados para conduzir o trânsito de Gravatá. Com a grande necessidade de vagas, estacionamento, ordenar a carga e descarga, a necessidade de fazer o trânsito fluir normalmente e a municipalização tem esse objetivo de ordenar, organizar o trânsito de Gravatá”.

Atendendo aos pedidos da população, o prefeito Padre Joselito, diz: “É um desejo da população, inclusive a população sempre pergunta quando estaremos de fato organizando o trânsito em nosso município porque há uma necessidade. Gravatá cresceu, a população aumentou, a frota cada vez maior de carros e motos, e as pessoas precisam também circular na cidade com liberdade, com segurança e com todo apoio necessário porque o nosso compromisso é com as pessoas”

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários