Pesquise aqui.

A maior velocidade!

Santa Cruz: a um empate da final.

O discurso de Zé Teodoro, técnico do Santa Cruz, durante toda a semana foi mudança de postura. Mas jogando com o regulamento a favor e na casa do adversário, o time deverá apostar no contraataque para superar o Cuiabá, na partida de volta pelas semifinais da Série D do Campeonato Brasileiro, neste domingo, às 16h (horário do Recife), no estádio Luthero Lopes, em Rondonópolis, no Mato Grosso. Com a vitória por 1 x 0 no primeiro jogo, os tricolores podem se classificar para a final da quarta divisão com apenas um empate ou até a derrota por um gol de diferença, caso marque gol. 
Apesar de querer esconder a formação, Zé Teodoro treinou bastante no esquema 3-5-2. Ademais, o goleiro Tiago Cardoso defende que o fato de a equipe atuar com três zagueiros não impedirá de ser ofensivo. “O fato de jogar com três zagueiros não quer dizer que a gente não vá atacar. Temos que ter equilíbrio, sabendo da importância de não tomar gol”, afirmou Cardoso, que agregou: "não podemos tomar gol". Revelando um pouco da postura tricolor.
Além disso, o Santa aposta na união do grupo para chegar à final. “É muito bom que os irmãos vivam em união. Vimos todo o tempo no jogo do Treze (do acesso). Todo mundo vibrando e, quem não jogou, apoiando. A prova de que todos estavam no mesmo espírito foi a cena nos vestiários (antes do jogo), que foi muito emocionante. Algo marcante na minha carreira e dos outros também. Ali sabíamos que seria muito difícil sermos batidos dentro de casa e ficar de fora”, ressalta Chicão, que será titular.
Momentos antes de viajar, Teodoro teve uma boa notícia: o atacante Thiago Cunha foi liberado pelo DM e será titular ao lado de Fernando Gaucho, no ataque. 
Por sua vez, o Cuiabá, que terá o desfalque do volante Natan e do zagueiro Marcelo Ramos, disponibilizou ônibus para os torcedores que quiserem ir à Rondonópolis (215 km da capital matrogrossense) apoiar a equipe, que precisa vencer por mais de um gol de diferença para se classificar.   
Ficha do jogo
Cuiabá: Gatti; Marquinhos, Reinaldo e Yuri e Natanael; Bogé, Jean, Edu Amparo e Fernando; Paulo Rangel e Moreno. Técnico: Ary Marques.
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Jeovânio, André Oliveira e Leandro Souza; Eduardo Arroz, Memo, Chicão, Weslley e Dutra; Thiago Cunha e Fernando Gaúcho. Técnico: Zé Teodoro.
Local: Luthero Lopes, em Rondonópolis (MT). Horário: 16h (do Recife). Árbitro: Luiz Oliveira (Asp. Fifa/SP). Assistentes: Adnilson Pinheiro (MS) e Leandro Ruberdo (MS).

jc3.uol
▲ Ir para Topo