Pesquise aqui.

A maior velocidade!

Garoto de 12 anos espanca irmão até a morte na Flórida.



              Ele poderá ficar na cadeia pelo resto da sua vida (Reprodução/Jacksonville Police Dept.)
Aconteceu na Flórida, nos Estados Unidos.Cristian Fernandez, de apenas 12 anos de idade, poderá ficar na cadeia pelo resto da sua vida, após ter matado o próprio irmão de dois aninhos.

Fernandez, que é da cidade de Jacksonville, teria espancado seu “meio-irmão” de dois anos até a morte em março e, na semana passada, foi indiciado pelo júri por homicídio de primeiro grau.

"É preocupante, mas quando você sabe que tem que equilibrar a segurança de outras crianças na casa e na comunidade, não é tão perturbador", disse a procuradora do EstadoAngela Corey ao jornal Florida Times-Union.

David Galarriago, o bebê que foi hospitalizado em 14 de março, sofreu fratura craniana, teve uma perna quebrada, hemorragia interna, além de ter ficado com vários hematomas espalhados pelo corpo. David morreu dois dias depois de ser agredido.

A família havia mentido a respeito das lesões do bebê, afirmando que ele havia caído no parquinho, mas então Cristian afirmou ter agredido o “meio-irmão”. Se a justiça norte-americana decidir a pena de prisão perpétua, será a primeira vez que ela será aplicada a alguém tão jovem. A dura pena é reflexo do assassinato brutal cometido, disseram as autoridades.

Nenhuma informação oficial foi divulgada a respeito do motivo que levou Fernandez a espancar David, mas acredita-se que o jovem possui algum distúrbio psicológico.

Rob Mason, advogado de Cristian Fernandez alega que o garoto foi vítima de abusos do padrasto, que inclusive atirou na própria cabeça ano passado, cometendo o suicídio na frente do menino. Fernandez ainda foi avaliado por dois psiquiatras, que afirmaram que o garoto tem um nível psicológico e emocional inferior ao normal para sua idade.
▲ Ir para Topo