---------------------------------------------------------

Pesquise aqui.

***************Clique na imagem e visite os melhores do ano***************

Vem pra cá e saia montado.

Robôs começam a dominar fazendas com automatização do cultivo



O primeiro equipamento agrícola totalmente autônomo está sendo lançado comercialmente, o que significa que as máquinas serão capazes de assumir completamente uma infinidade de tarefas. Tratores poderão dirigir sem ninguém na cabine e equipamentos especializados vão poder pulverizar, plantar, arar e eliminar ervas daninhas. E tudo está acontecendo bem antes da previsão de muitos analistas, graças a startups de pequeno porte no Canadá e na Austrália.

Enquanto líderes do setor como Deere & Co. e CNH Industrial ainda não informaram quando vão lançar ofertas semelhantes, a Dot Technology, do grupo Saskatchewan, já vendeu algumas das chamadas plataformas de energia para o plantio totalmente mecanizado na primavera. Na Austrália, a SwarmFarm Robotics está alugando robôs para matar ervas daninhas que também podem realizar tarefas como arar e pulverizar. As empresas dizem que suas máquinas são menores e mais inteligentes do que o gigantesco maquinário que pretendem substituir.

Sam Bradford, gerente da fazenda Arcturus Downs, no estado australiano de Queensland, foi um dos primeiros a adotar o programa piloto da SwarmFarm no ano passado. Ele usou quatro robôs, cada um do tamanho de um caminhão, para eliminar ervas daninhas.


Nos últimos anos, Bradford usava uma máquina de pulverização de 16 toneladas e 36 metros de largura que “parece um enorme louva-a-deus”. Cobria o campo com substâncias químicas, disse.

Mas os robôs eram mais precisos. Conseguiam distinguiram a cor marrom opaca do pasto da fazenda da folhagem verde e direcionavam os produtos químicos diretamente sobre as ervas daninhas. É uma tarefa que a fazenda realiza duas a três vezes por ano em 8 mil hectares. Com os robôs, Bradford disse que pode economizar 80% dos custos com produtos químicos.

"A economia com produtos químicos é enorme, mas também há economia para o meio ambiente, usando menos produtos químicos, e também com um resultado melhor no final", disse Bradford, que administra a fazenda há cerca de 10 anos. Os rios ao redor fluem para a Grande Barreira de Coral ao largo da costa leste da Austrália, tornando a fazenda particularmente sensível ao uso de produtos químicos, disse.

Reduzir custos tornou-se fundamental diante de vários anos de queda dos preços, que encolhem as receitas agrícolas e apertam as margens. O Índice Bloomberg Grains Spot acumula queda de mais de 50% desde o pico em 2012. Enquanto isso, avanços na tecnologia de sementes, fertilizantes e outros insumos de cultivo têm aumentado a produtividade e provocado um excesso de oferta. Produtores tentam buscar qualquer vantagem em um momento em que a guerra comercial EUA-China interfere no fluxo de exportações agrícolas.

Agricultores precisam melhorar o nível de produtividade e eficiência na agricultura, e “perdemos isso de vista com uma engenharia que não combina com a agronomia”, disse Andrew Bate, presidente da SwarmFarm. “Os robôs já incorporam isso. O que impulsiona seu uso na agricultura são melhores sistemas agrícolas e formas de cultivo.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook.com/akiagoraEventos

▲ Ir para Topo