Pesquise aqui.

A maior velocidade!

Pressionado, Cabral antecipa reajuste para bombeiros.

Rio - Pressionado por bombeiros que protestam há quase uma semana por melhores salários, o governo do Rio de Janeiro decidiu antecipar parte do aumento previsto para os servidores da corporação, que deverão receber vencimentos 5,58% maiores em julho. O governador Sérgio Cabral estendeu o benefício a policiais civis, militares e agentes penitenciários, que nos últimos dias vêm demonstrando apoio ao movimento iniciado pelos bombeiros.
A determinação de Cabral antecipa em seis meses os aumentos previstos até dezembro no plano gradual de aumento de salários dos servidores das quatro categorias, previsto para 48 meses, com 0,915% de aumento a cada parcela. Com a decisão, os reajustes anunciados para o segundo semestre serão concentrados em julho. Os manifestantes exigem imediata elevação do piso salarial da corporação de R$ 950 para R$ 2000.
Cabral também decidiu retirar o Corpo de Bombeiros do escopo da Secretaria de Saúde do Estado e criou uma Secretaria de Defesa Civil, que será comandada pelo novo Comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Sérgio Simões. Ele está à frente da corporação desde sábado, um dia depois que manifestantes invadiram o quartel central dos bombeiros.
noticias.uol
▲ Ir para Topo