Pesquise aqui.

A maior velocidade!

Google é proibido de fotografar na capital tecnológica da Índia.

Nova Délhi - A Polícia da cidade de Bangalore, capital tecnológica da Índia, proibiu o Google de fotografar suas ruas para seu serviço "Street View", informou nesta terça-feira uma fonte policial.

"Escrevemos ao Google para que obtenha as permissões necessárias do governo indiano para filmar Bangalore em seu serviço de mapas Street View", disse à "Agência Ians" Sunil Kumar, subcomissário da Polícia da cidade.

Um porta-voz do Google não identificado confirmou ao mesmo veículo que a companhia americana recebeu a notificação e que desde então o trabalho dos fotógrafos foi interrompido em Bangalore.

A fonte acrescentou que o site está preparando as respostas a uma série de perguntas formuladas pela Polícia.

O "Street View" é uma opção do serviço do Google Maps que oferece imagens panorâmicas das ruas e avenidas de uma centena de cidades de 27 países.

A filial indiana do Google havia anunciado em 26 de maio que começaria a oferecer o serviço de imagens em algumas cidades do gigante asiático e que o primeiro município seria Bangalore, por se tratar da "capital tecnológica" do país.

A empresa alegou na ocasião que dispunha das autorizações dos governos central e regional.

No entanto, o subcomissário Kumar declarou nesta terça-feira que para filmar cidades importantes como Bangalore, o Google precisa obter a permissão por escrito do Ministério do Interior e das Relações Exteriores, alegando razões de segurança.

"Dado que Bangalore é um alvo terrorista, temos receio que suas ruas sejam filmadas e estejam depois disponíveis no 'Google Maps', apesar do propósito ser ajudar os cidadãos a se localizarem", disse.

Bangalore é um dos principais núcleos tecnológicos do mundo, fundamental na descentralização das empresas ocidentais, e abriga importantes companhias do setor, como Infosys e Tata Consultancy Services.
Fonte: Agência EFE
▲ Ir para Topo