Pesquise aqui.

A maior velocidade!

Feira da Sulanca sairá mesmo do Parque 18 de Maio.

José Queiroz apresentou pesquisa que aponta a vontade da maioria em deixar o centro da cidade. "Até dezembro do ano que vem a feira sai", garantiu o prefeito
Wagner Gil
Durante uma reunião com mais de 50 sulanqueiros, o prefeito José Queiroz apresentou o resultado de uma pesquisa que aponta que 55% dos vendedores querem a saída da Feira da Sulanca do Parque 18 de Maio. O encontro ocorreu na sala de reuniões da Secretaria da Fazenda e contou com a presença do secretário André Alexei Lyra (Fazenda e Negócios Municipais) e do vereador José Aílton. O Jornal VANGUARDA foi o único órgão de imprensa a cobrir a reunião, que também definiu um ‘novo' dia para a realização da Feira da Sulanca: a terça-feira, começando às 7h, a partir do mês de julho.

Com os sulanqueiros sem apresentarem muita organização e um discurso uniforme, o próprio José Queiroz comandou quase três horas de reunião, ouvindo praticamente todos os envolvidos no processo. "Eu prometi na campanha e estou cumprindo. Só vou mudar a feira porque foi uma decisão da maioria", disse Queiroz. Indagado por um feirante sobre o prazo, ele foi direto: "Até o final da minha gestão estará tudo pronto e organizado. Tem muita gente interessada em fazer o projeto, mas meu principal parceiro nessa empreitada será o governador Eduardo Campos", enfatizou.

Queiroz fez questão de dizer que a decisão da mudança partiu dos próprios feirantes, apresentando um questionário de uma pesquisa encomendada pela Secretaria de Gestão e Negócios Municipais. "No total, 55% optaram pela mudança e agora nós vamos trabalhar nesse sentido. Vamos aproveitar as falhas que surgiram nos centros de compras que já existem em outras cidades e fazer algo novo, moderno, que justifique o nome de Caruaru e sua força na economia. Esse é o maior projeto da história de Caruaru em todos os tempos", afirma o prefeito. Ele informou que até agora não tem nada pronto, mas admitiu que há vários meses vem trabalhando em parceria com os sindicatos e associação dos sulanqueiros para construir um consenso. "Chegou a hora e não vamos mais voltar atrás porque a maioria se manifestou favorável", garantiu.

NOVO HORÁRIODurante a reunião, o prefeito apresentou o resultado também de uma pesquisa que indicou que a maioria dos comerciantes deseja a volta da Feira da Sulanca para a terça-feira. ‘‘Foi uma maioria esmagadora: 70% quer a feira na terça e às 7h da manhã", revelou José Queiroz. Ele lembrou que foram ouvidas 200 pessoas, a maior parte sendo feirante de Caruaru (55%). "Pessoas de 15 cidades que formam a cadeia produtiva da confecção também foram questionadas. São comerciantes de Santa Cruz do Capibaribe (14%), Toritama (11%), Brejo da Madre de Deus (4%), São Caetano (5%), Bezerros (6%), Agrestina (5%), entre outros municípios", completou.

O secretário André Alexei disse que definirá, nos próximos dias, a data que a Sulanca será realizada, mas garantiu que este mês não haverá alteração nenhuma. "Vamos fazer uma ampla campanha de divulgação para que os comerciantes não sejam prejudicados e os compradores sejam bem informados", disse Alexei. O secretário garantiu que, apesar da prefeitura agora trabalhar no sentido da transferência, os investimentos em melhorias continuarão. "Vamos melhorar aquela área da Fundac colocando asfalto em muitas ruas e ampliar a quantidade de câmeras de monitoramento."

Alexei disse ainda que semanalmente vem se reunindo com os feirantes para a cada feira detectar os principais problemas e solucioná-los. "Nossa gestão aqui tem sido marcada por diálogo. Foi através das reuniões que realizamos uma série de melhoramentos", finalizou o secretário.
▲ Ir para Topo